Melhor valvulado até R$3000,00

Discussão em 'Amplificadores' iniciado por Celso Lenin, Julho 22, 2016.

  1. Celso Lenin

    Celso Lenin Forista Registrado

    Saudações a todos os membros. Sou novo por aqui e estou buscando aprender mais sobre o fascinante mundo da amplificação valvulada. Estou prestes a adquirir meu primeiro "all tube" e disponho de uma verba bem enxuta. Surgem várias opções todos os dias e a dúvida começa a ser inevitável. Busco um amplificador de até 50w (de preferência na faixa dos 30w) e como a ideia é fazer um som tradicional, old school mesmo, o mais importante é o comportamento do canal clean. Entre bugeras, acedos, horse powers, artwoods, peaveys da vida o que os distintos e mais experientes cavalheiros aconselhariam? 6L6 ou EL84? Marca ou handmade? Vai ser um combo pra levar pra cima e pra baixo, ligar aqui e ali, ensaiar e fazer apresentações. Consideremos valores de mercado, independente de ser novo ou usado.
    De antemão agradeço pela ajuda. Abraços!
     
    jfonseca e Ronconi curtiram isso.
  2. Ronconi

    Ronconi Forista Ativo

    Alguma referência de timbre desejado?
     
  3. Celso Lenin

    Celso Lenin Forista Registrado

    Oi Ronconi. Tem sim vários exemplos. Acho que este aqui ilustra bem que tipo de tom estou buscando.


    Obrigado pela resposta!
     
    jfonseca curtiu isso.
  4. Matec

    Matec Forista Experiente

    Pelo timbre e pela época só pode ser um amplificador Fender. O que leva a saídas com 6l6.
    Não é exatamente igual (e normalmente é usado), mas vc também pode conseguir um Giannini por um preço menor que esse.
     
  5. Ronconi

    Ronconi Forista Ativo

    Vamos revisar então:

    - Limite de preço: R$ 3000,00
    - Potência: até 50W
    - Timbre: Clean Fender
    - Combo
    - Se vai ser levado pra lá e pra cá, então melhor que seja handmade.

    Essas condições filtram boa parte dos amps que temos por aí.
    Sugestões:

    - Giannini True Reverber
    - Giannini Jet Sound ou Valiant
    - Giannini Duovox/Univox 50B e 50G, na versão combo.

    Todos esses amps estão dentro do orçamento que tens aí disponível.
    Se preferires um amp novo, com certeza o VL30 da AcedoAudio. Parece ser exatamente o amp que estás procurando. O preço está no limite.


    Boa sorte!
     
    jfonseca curtiu isso.
  6. Celso Lenin

    Celso Lenin Forista Registrado

    Obrigado pelas respostas. Então, o VL30 é realmente impressionante mas estoura o orçamento original. Não fosse isso seria a escolha. Os Gianninis podem ser uma boa mas tenho minhas ressalvas porque pelo preço deles dá quase pra pegar o VL30 e são muito antigos pra comprar às escuras, sem garantia. Não bastasse isso já tive uma experiência "inesquecível " com um Tremendão há anos atrás. Ainda considero a possibilidade do Bugera V55. O que dizem deste? Surgiu a possibilidade de pegar um destes numa troca com meu Mustang entrando no negócio.

    Saudações! ;)
     
  7. Ronconi

    Ronconi Forista Ativo

    Celso,


    O VL30 custa hoje R$ 2960,00 (versão básica), que está abaixo dos R$ 3000,00 que informaste como orçamento disponível. O Bugera V55 beira os R$ 3500,00, portanto está acima. É um excelente amp, além de ser mais versátil que o VL30. Mas se você vai pegar em troca, perde a garantia que a Acedo te dá.
    Acho que não entendi bem as condições que tu quis dizer... Veja aí
    Lembrando que a Acedo usa válvulas JJ e Sovtek e a Bugera usa Shuguang... Mas acho que já estou puxando demais o saco do Paulo Acedo por aqui... hehehe

    A vantagem dos Gianninis antigos é a facilidade de restaurar, além da possibilidade de durante a restauração modificar o circuito à teu gosto.

    A experiência com o Tremendão, foi boa ou ruim? Não entendi também...


    Abraço
     
    Celso Lenin curtiu isso.
  8. Celso Lenin

    Celso Lenin Forista Registrado

    Então, Ronconi

    A experiência com o Tremendão foi ruim porque acabou se tornando um elefante branco e eventualmente acabou queimando. Nem sei por quê. Na época eu não tinha o menor conhecimento de como funciona um valvulado.
    O Bugera eu iria pegar usado, com meu Mustang entrando na troca o que seria uma vantagem. Agora surgiu a possibilidade de trocá-lo com mais uma volta (bem menor que 3000,00) em um 296.
    Não tenho dúvida da superioridade do Acedo em relação aos Bugera, principalmente na questão durabilidade. Embora já tenham me dito que a montagem do circuito poderia ser melhor, que é um pouco bagunçada.
    Uma das principais vantagens do Acedo ou dos Bugera em relação aos Gianninis é que não é preciso altos volumes para conseguir saturação, pois possuem controle de ganho e master separados. O 296 utiliza EL84 (válvulas que não permitem substituição por outros modelos) o que mudaria a ideia de timbre "fenderístico" inicial. Entretanto vi reviews na Internet surpreendentes em termos de versatilidade do 296. Além disso o valor de revenda do Acedo nem se compara com o dos Bugera. Então estou praticamente decidido a fechar negócio nessa troca, o que acham?

    Abraço!
     

Compartilhe esta Página