Laney VC30 - Troca de válvulas, mudança de timbre

Discussão em 'Amplificadores' iniciado por Bernardo Cria Pena, Março 19, 2012.

  1. Bernardo Cria Pena

    Bernardo Cria Pena Forista Registrado

    Massa velho, valeu demais!!!!! coloquei uma configuração aqui com a ECC82 gold pin JJ na v2 e uma sovtek 12ax7 n v1 e ta mais ou menos, num ta o ideal ainda nao mas ta indo, e na v3 uma 12ax7 na v3.
    Mas o canal limpo ta bem baixo do que o canal sujo, sabe me falar uma possivel causa ? eu que troquei as válvulas mesmo !!

    Abraço
     
  2. jfonseca

    jfonseca Valvulados.com

    Olá Bernardo, tudo ok?

    Eu não estou com acesso ao esquema do VC30 aqui neste momento, e não sei de cor, mas acho que o canal limpo talvez use apenas um triodo da 12ax7 e os dois triodos da 12au7, então se esse for realmente o caso, ele terá cerca de 1/3 do volume do outro canal. Pode ser essa a causa. Fora isso se a diferença for muito gritante, seria bom checar os potenciometros, pequenos tapinhas com algo duro podem revelar algum problema, se ouvir estalos, etc.

    Abraço.
     
  3. Bernardo Cria Pena

    Bernardo Cria Pena Forista Registrado

    é acho que é coisa de 1/3 mais baixo que o canal sujo mesmo, ta tranquilo ! quando voce me disse das valvulas de placa longa, é a mesma coisa que hi-grade ? tava acessando aqui o manual do ampli e vi que originalmente ele usa uma hi-grade an V1 e duas standard pra v2 e v3.

    Abraço
     
  4. jfonseca

    jfonseca Valvulados.com

    Olá Bernardo, tudo ok?

    Vamos lá: placa longa e high grade são coisas distintas.

    Em resumo: high grade é um termo mercadológico, apesar de não significar algo específico, o termo normalmente nos diz que a válvula foi selecionada de alguma forma especial. É um termo bem genérico, cada fabricante e cada selecionador de válvulas tem seu conceito do que é exatamente "high grade", pode ter baixa microfonia, ou baixo ruido, alto ganho, ou alguma característica fisica como vidro reforçado, etc.

    Já a placa longa é uma característica física da válvula, você pode examinar uma 12AX7 e visualmente identificar uma placa longa. A placa é a maior estrutura cinzenta dentro da válvula, você olhando por fora basicamente só enxerga a placa. A placa "normal" para uma 12AX7 tem entre 8mm e 11mm de altura. A placa longa chega a ter 20mm.

    Válvulas high grade costumam ser menos microfônicas, algumas tem pinos de ouro para evitar oxido nos contatos. Como a posição V1 nos amps é a mais crítica(que pega mais ruido e que também dá mais caráter ao timbre do amp) então o manual está te recomendando uma válvula especial para V1.

    A Laney costuma usar válvulas TAD, e o TAD tem diversas linhas de válvulas selecionadas. Outras excelentes são as JJ especiais, como a ECC803S, herdeira das lendárias Tesla ECC803S.

    Abraço.
     
  5. luismeteoro

    luismeteoro Forista Registrado

    Sem querer me intrometer no assunto mas já entrando, um amigo me trouxe uma válvula 12AX7A da RCA (http://tubedepot.com/nos-12ax7a-rca.html) e pretendo fazer uns testes no meu VC-30 já que faz uns 4 anos que não mexo nas minhas válvulas originais (TAD). Pergunta: qual a diferença entre a tradicional 12AX7 da TAD e essa 12AX7A da RCA? Fiquei confuso! rs

    Agradeço desde já!
     
  6. jfonseca

    jfonseca Valvulados.com

    Ola luismeteoro, tudo ok?

    A diferença está no processo de fabricação, no vácuo dentro do envolucro, no material usado e por fim no design dos componentes internos(tamanho da placa, grade, etc). São a "mesma válvula" mas fabricadas de forma bem diferente.

    A TAD não fabrica valvulas, eles compram de alguma fonte(Russia/China) e fazem seleção de acordo com critérios que eles estabelecem. Já a RCA era fabricante e estava presente no negócio das válvulas desde o início da era das gravações musicais.

    Algumas RCA são muito procuradas por colecionadores, mas no fim quem vai dizer se gostou ou não é o seu ouvido!
     
  7. luismeteoro

    luismeteoro Forista Registrado

    Ola, José! Tudo bem, e você?

    Obrigado pela explicação! Vou testá-la na sexta e ver como o timbre se comporta. Espero que não fique muito ardido, pois estou procurando um timbre mais aveludado. Mais pra frente irei comprar uma 12AT7 e uma 12AU7 pra fazer os testes. Aliás, preciso ler mais sobre V1, V2 e V3 pois estou viajando ainda sobre esse assunto.

    Valeu!!!
     
  8. jfonseca

    jfonseca Valvulados.com

    Só assim mesmo para encontrar o timbre ideal!

    Os Fender mais reverenciados da primeira metade dos anos 60 como o Deluxe Reverb de 64 e 65, usavam 12AT7 na inversora, e 12AX7 nas outras. Dificil um timbre mais aveludado que o do Deluxe.

    A EL84 na saída naturalmente tem um timbre que como você diz é ardido. Boa parte da característica dos Blackface de timbre mais doce vinha das válvulas 6V6. O problema é que não são intercambiáveis.

    Para "domar" as EL84 é bom reduzir o ganho da válvula inversora, por isso uma 12AU7 ali pode ser uma opção. Mas o amp perde potência também. Para gravação e estudos, pode ser uma idéia, mas se quiser tirar 100% do amp, tem que ser tudo 12AX7.
     
  9. luismeteoro

    luismeteoro Forista Registrado

    Obrigado pelas dicas, José! Acabei de encomendar uma 12AT7 JJ pra testar na inversora, semana que vem volto pra contar como ficou. Não pretendo usar toda a potência do ampli, então poderei experimentar mais as válvulas pra deixar o som mais aveludado.

    Abraço!
     
  10. Bernardo Cria Pena

    Bernardo Cria Pena Forista Registrado

    Fala JFonseca !

    Bom depois das nossas conversas, acabei colocando 12ax7 na V1 e V2 do laney e uma JJ ECC82 gold pin na V3. Sim o som ficou lindo, curti demais toquei até enjoar ontem. Mas hoje, puf.... nada de sair som ! Posso ter avacalhado algum pino ou coisa do tipo ou se fosse assim, nem ligaria da primeira vez ?


    Um abraço ![hr]
    Dei uma testada aqui, e no canal limpo eu aumentando todo o volume, num da nem um chiado. No sujo ja não é assim, mesmo com o drive no zero, aumentando o volume sai um chiadinho.
     

Compartilhe esta Página