Registro
14/12/16
Mensagens
146
Aprovações
33
Pontos
28
Cidade
Brasília
#21
MEDIÇÃO DAS TENSÕES DO SOQUETE
Medimos todas as tensões nos soquetes das válvulas de power. Antes de colocar as novas e fazer o ajuste de BIAS. Registrei as informações a mão e aqui estão os resultados:

Lembrando que a nomenclatura que utilizamos tem a ver com a posição das válvulas vendo o amplificador de frente. Ou seja, a V1 é a que fica à direita e a V4 é a que fica à esquerda. A V2 e a V3 são as do meio.
 
Registro
14/12/16
Mensagens
146
Aprovações
33
Pontos
28
Cidade
Brasília
#22
AJUSTE DE BIAS
Foi a ultima coisa que fizemos antes de testar o amplificador. Colocamos as Tung Sol nos soquetes e deixamos o Duovox ligado por uns 10 minutos, em seguida desligamos e esperamos as válvulas esfriarem.

Com a medição dos soquetes, utilizamos uma calculadora virtual para determinar o BIAS. O resultado indicou de devíamos utilizar 51,2 mA. Em seguida medimos e ajustamos o BIAS.


Para nossa surpresa, e o motivo do som horrível que o amp fazia, o BIAS esta com apenas 15mA, muito longe dos 51,2mA que o calculo nos indicou e fora do patamar sugerido (39 - 53mA). Depois desse ajuste o amp começou a soar como um legítimo all tube.
 

Matec

Veterano
Registro
10/7/15
Mensagens
339
Aprovações
92
Pontos
28
Cidade
São Paulo
#23
Olá @André Monc

A título de curiosidade, existe alguma marcação ou etiqueta no transformador de potência? Pelas suas medições está parecendo que deva ser um 5068. Mas preciso de sua confirmação.
Obrigado
 
Registro
14/12/16
Mensagens
146
Aprovações
33
Pontos
28
Cidade
Brasília
#24
Olá @André Monc

A título de curiosidade, existe alguma marcação ou etiqueta no transformador de potência? Pelas suas medições está parecendo que deva ser um 5068. Mas preciso de sua confirmação.
Obrigado
Tem uma etiqueta sim. O número do trafo de força é 5067, Matec.

Precisando pode perguntar.

Monc
 
Registro
14/12/16
Mensagens
146
Aprovações
33
Pontos
28
Cidade
Brasília
#25
OUTRAS ATUALIZAÇÕES
Além disso, tiveram mas algumas coisas que fizemos, mas não tirei fotos.
  1. Trocamos a lâmpada PILOT, ela estava quebrada.
  2. Limpamos com soprador e pincel, todo o chassis e componentes.
  3. Testamos aquele resistor que parece queimado na foto, está funcionado bem.
  4. Trocamos a chave liga-desliga do standy by para funcionar o Led.
  5. Limpamos internamente todos o potenciômetros.
  6. Checamos e apertamos todos parafusos e porcas do circuito interno.
Acho que foi. O dia foi muito produtivo, aprendemos muito e o amp ficou muito legal!

Agora é fazer o gabinete e tocar muito!

Monc
 
Registro
14/12/16
Mensagens
146
Aprovações
33
Pontos
28
Cidade
Brasília
#26
Olá @André Monc

A título de curiosidade, existe alguma marcação ou etiqueta no transformador de potência? Pelas suas medições está parecendo que deva ser um 5068. Mas preciso de sua confirmação.
Obrigado
A etiqueta esta bem deteriorada já, mas dá para ler o 5067.



Abraços.

Monc
 

Matec

Veterano
Registro
10/7/15
Mensagens
339
Aprovações
92
Pontos
28
Cidade
São Paulo
#27
@André Monc

Eu tenho feito uma pesquisa sobre os transformadores para os amplis da Giannini, e tenho já um bocado de informações.
Porém essa sua confirmação me deixou um tanto confuso. Pelo que sei, o 5067, seria um transformador de HT 180-CT-180v bias 0-60v , e filamentos 3,15-CT-3,15v . que nos amplis da Giannini teria o HT retificado em ponte. E que daria 507v dc sem as válvulas .
Essa sua medida de tensão (410v) está correta com a potencia esperada pro seu amplificador. Então eu vou precisar, por favor, que vc meça a tensão ac do seu transformador de força (que acredito ser de 290Vac). Isso se for possível (CUIDADO, ALTA TENSÃO ENVOLVIDA).

O resultado dessa pesquisa já está está publicado aqui: http://www.handmades.com.br/forum/index.php?topic=9172.0 , mas pelo visto, ainda precisa de ajustes.

Obrigado.
 
Registro
14/12/16
Mensagens
146
Aprovações
33
Pontos
28
Cidade
Brasília
#28
@André Monc

Eu tenho feito uma pesquisa sobre os transformadores para os amplis da Giannini, e tenho já um bocado de informações.
Porém essa sua confirmação me deixou um tanto confuso. Pelo que sei, o 5067, seria um transformador de HT 180-CT-180v bias 0-60v , e filamentos 3,15-CT-3,15v . que nos amplis da Giannini teria o HT retificado em ponte. E que daria 507v dc sem as válvulas .
Essa sua medida de tensão (410v) está correta com a potencia esperada pro seu amplificador. Então eu vou precisar, por favor, que vc meça a tensão ac do seu transformador de força (que acredito ser de 290Vac). Isso se for possível (CUIDADO, ALTA TENSÃO ENVOLVIDA).

O resultado dessa pesquisa já está está publicado aqui: http://www.handmades.com.br/forum/index.php?topic=9172.0 , mas pelo visto, ainda precisa de ajustes.

Obrigado.
Fala Matec. Assim que abrir o amplificador de novo eu faço essa medida, pode ser? Quero curtir um pouco essa evolução.

Mas preciso te fazer uma pergunta. Na sua tabela fala que o trafo de saída do 100B é de 6 e 8 ohms, é isso mesmo? Saem 3 fios do trafo do meu Duovox, um verde, que está desconectado, um amarelo que está conectado no jack do speaker e no sistema de retroalimentação e um preto. O verde seria de 6 ohms e o amarelo de 8 ohms? Vi em outros fóruns que originalmente era 4 e 8 ohms.

Perfeito o tópico que vc compartilhou! Gostei muito da organização e da disponibilidade e compartilhar informações. Vi que vc comenta sobre alguns circuitos dos amplificadores Giannini corrigindo erros. Como vc vê o esquema do Duovox 100B?

Abraços.
 

Matec

Veterano
Registro
10/7/15
Mensagens
339
Aprovações
92
Pontos
28
Cidade
São Paulo
#29
Olá @André Monc

Sim, no transformador de saída original de um Tremendão II, AG 4012 que eu tenho aqui em casa, as impedâncias de saída são com toda certeza 6 e 8 ohms (fio verde e fio amarelo), assim como os transformadores AG4008 dos Thunder Sound são de 5,3 e 8 ohms (também verde e amarelo). Não sei se posteriormente houve alguma mudança feita pelos fabricantes. Mas por aqui todo mundo "acha" e passa a notícia prá frente, ninguém questiona e muito mais simples, mede, para saber a verdade. O tópico lá no outro fórum é para tentar equacionar essas dúvidas e chegar num consenso.

O Duovox é um clássico "Fender Style" da Giannini, não sei exatamente em qual amplificador ele se baseia, mas todos os estágios podem ser encontrados em amplis daquela marca. É um esquema honesto que faz o que se espera dele. Até pouco tempo atrás, poucos tinham informações básicas sobre ele, então quando o amplificador queimava, as gambiarras proliferavam. Hoje se vê as pessoas dando um trato neles do jeito que eles merecem (o seu caso), e por isso, eles podem durar a vida toda. Com algumas revisões, é claro.;)

Abs
 
Registro
14/12/16
Mensagens
146
Aprovações
33
Pontos
28
Cidade
Brasília
#30
Olá @André Monc

Sim, no transformador de saída original de um Tremendão II, AG 4012 que eu tenho aqui em casa, as impedâncias de saída são com toda certeza 6 e 8 ohms (fio verde e fio amarelo), assim como os transformadores AG4008 dos Thunder Sound são de 5,3 e 8 ohms (também verde e amarelo). Não sei se posteriormente houve alguma mudança feita pelos fabricantes. Mas por aqui todo mundo "acha" e passa a notícia prá frente, ninguém questiona e muito mais simples, mede, para saber a verdade. O tópico lá no outro fórum é para tentar equacionar essas dúvidas e chegar num consenso.

O Duovox é um clássico "Fender Style" da Giannini, não sei exatamente em qual amplificador ele se baseia, mas todos os estágios podem ser encontrados em amplis daquela marca. É um esquema honesto que faz o que se espera dele. Até pouco tempo atrás, poucos tinham informações básicas sobre ele, então quando o amplificador queimava, as gambiarras proliferavam. Hoje se vê as pessoas dando um trato neles do jeito que eles merecem (o seu caso), e por isso, eles podem durar a vida toda. Com algumas revisões, é claro.;)

Abs
Obrigado pela informação Matec. Fico te devendo a medição da tensão AC do trafo de força. Esse ano ainda vou trocar os jacks de entrada e talvez o trafo (não sei quando vai chegar ainda).

Pelo que tenho visto, me parece que o Duovox é muito parecido com o Fender Bassman 100. O esquema tem coisas em comum e até o layout do amplificador.

Até levar ele para essa segunda etapa, vou ficar fazendo um som!



Abraços,

Monc