Amplicador PHELPA 67

Discussão em 'Amplificadores' iniciado por Vitoretti, Setembro 8, 2013.

  1. Vitoretti

    Vitoretti Vitoretti

    Segue a 2ª parte sobre o estudo da fonte.
    O "X" da questão, ficou por conta dos resistores de 10W que não bateram com o esquema.
    O R41 [4k7] e R42 [4k5] na medição deu 4,9.
    Na figura de um PHELPA de 20W [C3.1], vemos o mesmo capacitor.
    Por enquanto é só.
    Abçs.
     

    Arquivos Anexados:

    • C1.jpg
      C1.jpg
      Tamanho:
      967.8 KB
      Visitas:
      0
    • C2.jpg
      C2.jpg
      Tamanho:
      536.6 KB
      Visitas:
      0
    • C3.0.jpg
      C3.0.jpg
      Tamanho:
      621.1 KB
      Visitas:
      0
    • C3.1.jpg
      C3.1.jpg
      Tamanho:
      351.4 KB
      Visitas:
      0
    • C4.jpg
      C4.jpg
      Tamanho:
      832.7 KB
      Visitas:
      0
    jfonseca curtiu isso.
  2. jfonseca

    jfonseca Valvulados.com

    Legal seu cuidado ao documentar os componentes nas imagens, @Vitoretti. Ficou muito didático, boa documentação para quem pegar um projeto parecido no futuro!

    O resistor deu 4,9R ou 4,9K? Se for o último está normal, com essa banda prata ele tem 10% de tolerância, então pode ir de 4,2K a 5,1K e ainda está na especificação. O R41 está trabalhando quente, a banda vermelha já está marrom, mas ali pelo que vejo é o primeiro filtro / rebaixador da fonte, ele trabalha quente mesmo.
     
  3. Vitoretti

    Vitoretti Vitoretti

    Olá @jfonseca. Blz?
    A medição foi 4,9k mesmo.
     
  4. jfonseca

    jfonseca Valvulados.com

    Blz @Vitoretti, então está dentro do esperado.
     
  5. Vitoretti

    Vitoretti Vitoretti

    Boa tarde.
    Neste amp os soquetes das vávulas e o circuito foram montados em cima de uma borracha passante.
    E os aterramentos foram feito conforme vocês podem ver na foto.
    Posso montar direto sem essas borrachas?
    Há algum problema?
    Andei pensando em montar esse amp como um cabeçote, e confeccionar a caixa separado.
     

    Arquivos Anexados:

    Ronconi curtiu isso.
  6. Ronconi

    Ronconi Forista Ativo


    Então,

    - Geralmente, quando a válvula é muito microfônica (EF86 é um bom exemplo, além das 12Ax7, AT7 e etc...), os soquetes são montados encima de borrachas passa-fio, pra diminuir um pouco esse efeito. Se você tiver certeza que suas válvulas estão legais neste sentido, pode montar sem. Mas é um capricho que vale a pena. Sempre monto dessa maneira. Tem inclusive soquetes "shock-mounted" que são amortecidos com molas ou outros métodos, e são feitos especialmente para isso.

    - Aterramento via chassi não é nenhum pecado, mas nunca deve ser primeira opção.

    - Interessante que ali onde passam os fios de alimentação dos filamentos, não tem essas borrachas! É um perigo esses fios antigos raspando nos chassis super-afiados. Essa seção parece ter sido refeita...

    - Se você separar o amp dos falantes, a microfonia tende a diminuir também. Mas é um custo que acredito não valer a pena, no seu caso. Claro, é a minha opinião!

    Abraço
     
    jfonseca curtiu isso.
  7. Vitoretti

    Vitoretti Vitoretti

    Valeu @raconi.
    Essa fotos são antigas, e irei refazer da maneira correta.
    Valeu.
     
    jfonseca curtiu isso.
  8. marfu

    marfu Forista Ativo

    Interessante...

    Ontem retomei o meu phelpa de 20w.
    Acho que ele vai se transformar em um 50w, por algumas questões:
    1) Usar 02 6L6GC e ficar somente com 20w ?
    2) tenho um trafo de 350V, enquanto o original é 160V
    3) trafo original é dimensionado para 2-3Ohms, e possuo 01 trafo do 5f6...
     
    Vitoretti curtiu isso.
  9. marfu

    marfu Forista Ativo

    Vitoretti.
    Este diagrama de 20w eu que fiz, apagando trechos do amp de 40w.
    Já postei alguma coisa destes phelpas por aí, ( handmades, yahoo, etc...)

    Em meados de 1993, troquei 03 LPS, por 01 cubo phelpa 20w, com um camarada.
    O amp estava inoperante, passei algum tempo com ele, e resolvi encaminhar para manutenção.
    Foi reparado pelo Sr. Gebran, um antigo técnico daqui de Curitiba, já falecido.
    Passou um tempo, sofreu uma queda e ficou inop outra vez...
    Meados de 1997, uma enchente levou o gabinete, e falantes. ( além de minha coleção Marvel/DC snif, snif...)
    Resgatei o chassis, em aí criei vergonha na cara e levantei todo o esquema... Consertei e voltou a funcionar...
    Mas como estava sem gabinete, ficou jogado em casa...

    De vez em quando, quando sobra tempo eu pego ele e vou estudando, mechendo, trocando um capacitor aqui, outro ali...
    Mas isso quando sobra tempo, acho que ficará para meus netos...

    Atualmente, retomei o processo, com a intenção de fazer um gabinete definitivo ( cubo ou head)
     
    Vitoretti curtiu isso.

Compartilhe esta Página