Transistores

Herdeiros tecnológicos das válvulas termiônicas, os transistores revolucionaram a história, dando origem à era da informação e à revolução da informática. Os transistores são “resistores de transferência”: componentes que possuem um canal principal por onde pode fluir grande corrente elétrica mas que pode ser controlado por meio de uma minúscula corrente aplicada a um terceiro eletrodo de controle.

O canal do transistor NPN é formado pelo coletor (análogo à placa das válvulas) e o emissor (análogo ao catodo). A base (análoga à grade de controle) controla o comportamento do canal existente entre coletor e emissor. Transistores são disponíveis também em configuração PNP, nos quais se invertem as polaridades de excitação da base e, também, a direção da corrente elétrica fluindo através do canal. Não existe equivalência direta entre válvulas e transistores, apesar de que alguns MOSFETs de potência de gate negativo e canal N têm parâmetros semelhantes ao de válvulas de potência, e alguns JFETs assemelharem-se a válvulas de pré-amplificação. O fato do transistor ser composto por material semicondutor, e todo o fluxo de cargas dar-se através desse material, dá aos transistores a designação de “componentes de estado sólido”. Enquanto que nas válvulas o fluxo de elétrons ocorre no vácuo, a partir da nuvem de cargas, não havendo qualquer elemento sólido no canal.

Reguladores de tensão

Em termos práticos é possível regular a tensão de alimentação DC de um circuito utilizando apenas um transistor. No entanto, com os avanços nas tecnologias de estado sólido, hoje temos à nossa disposição circuitos integrados com proteção contra temperatura excessiva, curtos-circuitos, sobrecargas, compensação ativa contra mudanças de temperatura e assim por diante. Alguns dos reguladores mais úteis para amplificadores valvulados incluem os LM7806 para 6 volts, LM7812 para 12 volts e os LM350 para maiores correntes e tensão variável. São reguladores de baixa tensão, mas podem ser usados com terra virtual (referência elevada) para regular a alta tensão, ou seja, regular uma tensão diferencial, entre 300 e 320 volts, por exemplo. No entanto, MOSFET’s de potência existem para trabalhar com tensões de até 1000 volts, o que os torna mais atraentes para regulagem de tensão em amplificadores valvulados. Vide exemplos de circuitos reguladores em (BLENCOWE. 2010.).

As construções vintage, mantendo a tradição dos valvulados antigos para guitarra, não empregam reguladores de tensão de qualquer espécie.